Pular para o conteúdo principal

Roteiro de Viagem- Arte São Paulo

Há alguns dias postei sobre os museus e o mercado municipal de São Paulo, e agora vou mostrar de que forma você pode visitar todos esses lugares em um só dia.
Os locais abordados nesse roteiro serão:
- Conjunto Nacional
- Parque Trianon
-Masp
- Mercado Municipal
- Museu de Arte Sacra
- Estação Pinacoteca
- Pinacoteca

Para começar acorde bem cedo para aproveitar melhor o dia!
Painel do Artista Plastico Silvio ALvarez
Podemos começar pelo Conjunto Nacional, que está localizado na Avenida Paulista.
Lá podemos chegar por volta das 8h.  O Conjunto Nacional quase sempre tem alguma exposição bem legal e uma decoração bem criativa, aproveite a oportunidade para tomar o cafezinho da manha, e dar uma passada nas lojas e nas livrarias. 
Mas vamos continuar pois temos ainda muito pela frente!




O Fauno
Ainda na Avenida Paulista temos o Parque Trianon , de frente com o Masp. Recomento estar lá por volta das 9h 30 mim. O Parque é bem diversificado pela fauna, e a sua maior atração é a escultura do Fauno, esculpido por Victor Brecheret, e a Aretuza, de Francisco Lepoldo Silva. Aproveite para fazer uma caminhada e conhecer o espaço.
Já as 10h temos um encontro marcado no Museu de Arte de São Paulo. Ir ao Masp é ter a oportunidade de embarcar em uma grande viagem nas obras de arte e na história,  e agora eles estão com uma exposição incrível do Cândido Portinari.
MASP









Após visitado o Masp, vamos agora para o Mercado Municipal. Podemos chegar lá ao 12h, e assim poder admirar os lindos vitrais e a belíssima arquitetura do espaço. Aproveite para almoçar, e como uma boa viagem tem que ser intensa, recomendo comer o famoso sanduíche de mortadela. 
Mercado Municipal
Bem perto dali temos o Museu de Arte Sacra. Recomendo chegar no museu as 14h, pois assim será possivel ver tudo o que ele tem para oferecer, e te garanto que tem bastante coisa, como por exemplo, o belíssimo e grandioso presépio napolitano do século XVIII.

Depois do Museu de Arte Sacra, podemos chegar na Pinacoteca as 15h, comprar os bilhetes e ir na Estação Pinacoteca, que fica á poucas quadras. Na Estação Pinacoteca sempre tem algumas exposições legais, mas o mais interessante são os quadros da Tarsila do Amaral.
Após visitado a Estação Pinacoteca, podemos chegar ate a Pinacoteca ás 16. Na Pinacoteca tem bastante coisa para ver e aprender, aproveite a visita para tomar um cafezinho no térreo.
Pinacoteca

E por fim o nosso passeio chega ao fim as 18h. Mas garanto que com um roteiro desse você conseguirá aprender muito e conhecer sobre a arte e também sobre as diversas formas de arquitetura existentes em uma unica cidade.
Faça esse roteiro e garanto que será fantástico!




Obs: Opte em realizar esse roteiro em feriados ou domingos, pois assim não terá muita fila e incômodos.
Lembrete: Realizei esse percurso fazendo uso do metrô, pois os locais são próximos e o metrô otimiza o tempo do passeio.
O que levar: Leve uma garrafa de água e uma máquina para fotografar tudo!

Aproveite!
Roteiro Metro:
- Estação Consolação leva até a Avenida Paulista, em especial próximo ao Conjunto Nacional.
- Depois do Conjunto Nacional é possivel ir a pé ao Masp e ao Parque Trianon.
- Depois do Masp, pegue a estação Trianon Masp até a estação Paraíso, depois pegue a Linha Tucuruvi e desça na Estação São Bento. A estação te deixará próximo ao Mercadão Municipal.
- Depois do Mercadão é possivel ir a pé ao Museu de Arte Sacra e a Pinacoteca.
Mapa do Metro SP


Veja as postagens mais antigas e conheça um pouco mais de cada local.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nicarágua, um paraíso natural

ORIGEM DO NOME, Nicarágua A origem do nome é incerta, já que o país não conta com um registro indígena, podendo-se recorrer somente às crônicas dos primeiros espanhóis. Nessas crônicas fala-se sobre o povo náhuatl que viviam entre o grande lago (chamado de Nicarágua posteriormente) e o Oceano Pacífico; a esta terra eles davam o nome de nic–atl-nahauc que significa "aqui junto a água".



LOCALIZAÇÃO A Nicarágua é um país da América Central, limitado ao norte pelo Golfo de Fonseca (através do qual faz fronteira com El Salvador), Honduras, a leste pelo Mar das Caraíbas, através do qual faz fronteira com o território colombiano de San Andrés e Providencia, a sul com a Costa Rica e a oeste com o Oceano Pacífico. Sua capital é Manágua. TOP 8 CURIOSIDADES -1ª Que futebol que nada! O esporte mais popular da Nicarágua é o beisebol. -2º A bebida típica é o pinolillo, uma bebida feita com milho, cacau, canela e outros ingredientes - 3º No total, a Nicarágua possui nove grandes lagos. Não é sem …

O que fazer depois que acabar a faculdade? Bacharel em Turismo

Após os três, quatro ou cinco anos de faculdade é natural que muitos ainda se perguntem o que vão fazer depois da faculdade, essa pergunta não é privilégio apenas dos futuros turismólogos, muitos e muitos outros futuros profissionais se fazem o mesmo questionamento. Mas falando dos futuros turismólogos, ao longo do curso a grade oferece uma serie de conhecimentos multidisciplinares que possuem o intuito de capacitar o profissional para os diversos meios de atuação do turismólogo. Mas a problemática se insere neste contexto. Algumas profissões como, por exemplo, licenciatura em Matemática, ou você ministra aulas ou vira pesquisador, são apenas duas opções (ou mais), de certa forma fica mais fácil de decidir, assim como biomedicina, ou você trabalha em um laboratório de analises clinicas, ou se torna professor ou se torna pesquisador. Já no turismo a realidade é inversa, em síntese temos os seguintes campos de atuação, cruzeiros, agencias de viagens, docente, poder publico, eventos, hotela…

O Folclore e o Turismo

Mas o que significa e o que é Folclore? Folclore é o conjunto de crenças, superstições, lendas, festas e costumes de um povo passado de geração em geração. A palavra Folclore vem do inglês pela junção das palavras folk (povo) e lore(sabedoria popular) significando sabedoria do povo. O Folclore no Brasil só começou a receber atenção da elite na metade do século XIX, durante o Romantismo. Naquela época, a cultura popular crescia na Europa e Estados Unidos e, baseados nesse interesse, estudiosos brasileiros como Celso de Magalhães e Sílvio Romero pesquisaram as manifestações folclóricas nativas e publicaram estudos. (FOLCLORE, 2010) Você sabia que o Folclore é protegido por lei? Isso mesmo, de acordo com a Constituição Federal de 1988, nos artigos 216 e 215, que relatam sobre o patrimônio cultural brasileiro: “os bens materiais e imateriais, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasilei…