Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

Por qual motivo as pessoas não respondem e-mails?

Não sou uma das pessoas mais pacientes do mundo (e também não quero ser), mas vivo me perguntando, por que as coisas demoram tanto? Não gosto mesmo de esperar, seja para esperar os amigos se arrumarem, fato esse que me irrita bastante, pois se eu tenho que sair às 21h eu me programo todo, às 20h já estou no banho, chego adiantado se preciso for, mas nunca atrasado (só quando não depende de mim). Não sei o que ocorre, mas as coisas demoram, seja para ser atendido em um pronto socorro, seja na fila do pão francês, seja nas filas dos bancos... Enfim, esperar não é legal. E no turismo também temos que esperar, esperamos nas filas das atrações, esperamos os inúmeros turistas saírem da frente para tirarmos fotos no Cristo Redentor e tantos outros destinos massificados, e/ou semi-massificados. Mas o que mais me irrita é esperar uma resposta, não sei vocês mas quando dizem – Depois a gente te liga.... Meu deus, alá, oxalá, espirito de luz, seja lá o que vocês acreditam ou não acreditam. Esperar p…

Filhos estudando longe de casa... Por: Mey Moreira

Assim como tudo o que acontece na vida uma hora chega tua vez. Nem sempre estamos preparadas com o que está por vir, quando seu filho sai de casa é uma dessas situações que tive que me adaptar. Filho pode ter a idade que for que para uma mãe ele sempre será aquela criança que ela segurou no ventre, depois no teu colo, ai pelas mãos, até que ele se solta pelo mundo... Ao ver meu filho de 17 anos saindo de casa, primeiro agi pela emoção, será que ele consegue se cuidar sozinho? Consegue escolher pessoas boas para seu convívio? Saberá qual o caminho correto a prosseguir? Depois vem a solidão, quarto vazio, casa silenciosa, noites sem sono, falta de apetite e perguntas do tipo: será que esta se alimentando? Tem dormido corretamente? E quando nos falamos aquele coração apertado que diz que ele esta passando ou precisando de algo e não quer me dizer... Mais ai a razão tem que tomar conta, você passou o melhor de si pra seu filho e, agora ele escolheu e escrever sua própria história, onde nos m…

Diário de Viagem- Museu Oscar Niemeyer/ Curitiba-PR

Recentemente em minha viagem a Curitiba/PR fui conhecer o tão falado Museu Oscar Niemeyer (MON), ou como alguns conhecem como o museu do Olho, por conta do formato parecido com um olho, mesmo um amigo dizendo que Oscar quis representar uma Araucária (omg) enfim... O Museu está muito bem localizado, no Coração de Curitiba, tem ônibus a todo momento, assim como taxi que passa toda hora na frente do espaço. Quando se menciona a acessibilidade, o espaço é totalmente acessível. Bom, o museu abre as 10h, ai eu cheguei lá era 9:30, tempo suficiente para me surpreender com a fantástica obra de Niemeyer (não é por acaso que ele foi renomado). E por ser tão renomado, não assuste ao ver dezenas de estudantes, de todas as idades indo o visitar o MON, grupos e mais grupos todos os dias. Outro fato bastante interessante é ver os inúmeros estudantes de Arquitetura, Engenharia, Arquitetura e Urbanismo entre outros, sentados desenhando o tão famoso olho (é realmente fascinante ver seus desenhos rsrs). A e…

É hora de falar de Turismo Sexual!

Ao longo dos anos muitos assuntos tidos como “Tabus” na sociedade ganharam espaço nas rodas de discussões, entretanto, existem muitos outros assuntos que ainda permanecem velados e, sequer possuem um prospecção de desvelação. Ao falarmos do turismo sexual, por exemplo, observa-se que pouco se aborda no meio acadêmico do turismo sobre a prática e, ainda, muito pouco se conceitua o turista sexual e, muito menos se entende o turismo com motivação sexual como segmento de mercado passível de ser estruturado. Inseridos nestes contextos pragmáticos da prática do turismo sexual, sendo esta expressão usada com grande frequência em outras áreas do conhecimento, como sociologia, antropologia, geografia e outros, além do próprio senso comum, realizamos durante os dias 11 a 18 de maio de 2015, uma pesquisa online, por meio da plataforma Google Docs. A pesquisa tinha o intuito de aferir quais sãos os paradigmas conceituais existentes no imaginário dos estudantes de turismo, profissionais formados em t…

Turismo de Experiencia- O que vivi em Curitiba/PR

Quando viajamos para qualquer lugar e permanecemos mais tempo, conseguimos ter mais contato com a população local. Queria relatar para vocês a minha experiência em Curitiba, pois, há uns cinco dias vim para esta cidade sem ao menos conhecer uma pessoa pessoalmente e, o que vivenciei é o verdadeiro sentido do turismo de experiência. Primeiro digo que vim para Curitiba para apresentar uns trabalhos no VII Seminário Nacional Sociologia & Politica, realizado na UFPR, a organização do Seminário por sua vez foi super eficiente e fez um intercambio de hospedagem solidária. Assim, eu que não tinha dinheiro para ficar em um hotel, tive a oportunidade de me hospedar na casa de uma das discentes do curso de pós-graduação da UFPR. Seu nome é Xênia Melo, uma mulher super simpática, anfitriã e que me tratou muito, very e mucho bem, claro, ela e sua família. Nunca tinha passado por essa experiência de hospedagem solidária e afirmo que é extremamente gratificante, pois por 5 dias me senti um verdad…

Diário de Viagem- Jardim Botânico de Curitiba/PR

Um dos locais mais falados e comentados de nosso país, especialmente quando se fala do estado do Paraná, sem dúvidas é o Jardim Botânico de Curitiba/PR.
Bom, claro que na minha vida a capital paranaense eu não podia deixar de visitar este local, pois um bom turismólogo é também um bom turista e, assim, fui-me aventurar pelos atrativos curitibanos. Como bom universitário (quebrado) eu vim a Curitiba e usei a Hospedagem Solidária que o evento proporcionou.  Assim, na manha de sábado (hoje) coloquei em minha mente que iria ao Jardim Botânico e, como não conheço muita gente aqui e, os que conheço não puderam ir comigo, lá fui eu me aventurar. Entrei no Google (saudoso e salvador) e vi quais eram os pontos de ônibus que serviam o atrativo, ai peguei o famoso ônibus tubo (falarei mais deles em outros posts) sentido Centenário, ai foi fácil, desci na estação Jardim Botânico, andei um tiquinho e já estava no complexo. No ônibus, indo para o Jardim me veio a ideia que eu era o único que ia pra la,…

A fuga do Turismo

Recentemente tenho escutado muito sobre o assunto, claro que desde quando comecei minha faculdade já via que a situação estava mudando. Há algumas semanas atrás fiz um inventario dos cursos de turismo que circundam em um raio de 1.000 Km a Unesp do Campus de Rosana/SP e, o que observei foi algo extremamente entristecedor. Procurei na internet quais eram as instituições que ofereciam o curso de turismo e, assim, enviei a elas um e-mail, convidando para um evento. Ao receber as suas respostas (dos que responderam) observei que em três destas o curso de turismo fora fechado, ai por curiosidade perguntei a uma delas o motivo, e a resposta: - Não conseguimos abrir turma, já estamos há 3 anos sem turmas de turismo. Isso foi bem frustrante, pois não há gente querendo fazer turismo e, o pior, a fuga da profissão não está naqueles que não a escolhem, mas também, naqueles que começam a cursar e param (vejo isso na minha sala). Me peguei então pensando o motivo que leva as pessoas não escolherem Tu…