Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

O mês do Arraía!

As cidades começam a ganhar cores, bandeirinhas para todo o lado, sabores e as canções pairam pelo ar. Nas escolas as crianças começam a ensaiar os primeiros passos da dança e as barracas já começam a se instalar. Na cidade o assunto é um só; nas lojas um entra e sai em busca da melhor roupa; nos salões de beleza a cada hora tem uma cliente; nos mercados os produtos da época; na televisão o festejo já é nacional. Enfim, já é tão esperado mês de Junho, o mês dos santos festeiros, São Pedro, Santo Antônio, São João e outros padroeiros que são festejados nas típicas festas juninas e, que ultimamente tem se tornado julhinas, de tanta festança. As festas são ótimas para a população, pois oferecem momentos de lazer, descontração e entretenimento. É uma verdadeira fuga do cotidiano, pois as pequenas cidadezinhas e transformam e viram grandes centros de eventos, com barracas, palcos, turistas para todo o lado, danças e tudo o que a festa tem direito. Os eventos são uma excelente estratégia para …

Por que é tão difícil dizer Adeus?

O que é dizer Adeus? Sempre me questionei o que é o sentimento que temos quando devemos nos despedir das pessoas que amamos. A vida sempre nos dá varias motivos para dizer adeus. Seja passar em uma faculdade e ir morar fora, seja ir fazer uma viagem longa, seja o falecimento de um ente querido e muitos outros motivos. Mas, nunca é fácil dizer adeus. Entrei na faculdade no ano de 2014, nesses dois anos e meio vivenciei muita coisa, conquistei amigos, conheci colegas, aprendi muito sobre o turismo, conheci lugares... Enfim, vivi muito bem a minha vida acadêmica. Na realidade meu primeiro grande adeus foi quando meus pais me deixaram na faculdade, ai você se ve sozinho em um mundo que cabe a você construir. Mas agora, tenho meu segundo grande adeus, pois há algumas semanas tive a confirmação do meu intercambio para Hungria e, hoje foi a data que tive que sair de Rosana/SP e voltar para minha cidade natal para resolver assuntos acerca do intercambio. Dizer adeus foi dificil, pois as pessoas …

Os Sacoleiros dos Eventos

Já participei de vários eventos, mas confesso que eles ainda me impressionam. Eventos que tem feiras seja de turismo, hotelaria, eventos e etc, são os mais intrigantes, porque estes eventos detém inúmeros stands, esses por sua vez tem o intuito de divulgar as suas marcas e, assim, apostam em estratégias inusitadas para atrair seus potenciais clientes. Desde o cafezinho ao sorteio de prêmios, tudo vale na conquista por mercados consumidores. Já vi muita coisa, como pão com mortadela, caldo de piranha, balas, massagem, limpeza de pele, fotos panorâmicas... Enfim, muitas estratégias para atração. O mais interessante é que esses stands sempre tem alguns kits (sacolas cheias de panfletos) para seus clientes... Ai, é legal porque você anda pelas feiras e ve pessoas lotadas de sacolas, brindes e tudo mais que é dado como medida divulgativa. Os famosos visitantes sacoleiros pegam tudo que os braços aguentam carregar. As vezes nem sequer cumprimentam as pessoas que estão nos stands, só passam e a…

O Turismo LGBT: Não são privilégios, mas sim humanidade

Confesso que nunca fui de pesquisar muito sobre o turismo LGBT, sempre fui mais para as áreas de patrimônio, marketing e políticas públicas. Mas recentemente, tenho ouvido muito falar e, até duas semanas atrás, quando estava em um Seminário de Sociologia em Curitiba/PR, fui questionado sobre esse segmento. O que sabia sobre o segmento anteriormente é que era um novo e potencial nicho de mercado, seja nacional e principalmente internacionalmente. Entretanto, mesmo sem saber muito sobre o tema, sempre fiz uso dos serviços e atrativos para o público gay (Aaaa as baladas gays). Ai, recentemente (ontem) um amigo que estava fazendo uma pesquisa sobre o turismo LGBT me marcou em um post que trazia uma resposta de um determinado senhor a sua pesquisa. Nesta resposta, o homem dizia atrocidades, que o turismo LGBT era só uma corrente revolucionária, que queríamos privilégios, que as discussões sobre gênero são piadas e por ai vai. Pensando nisso, me questionei, será que o publico homossexual realm…

Hospedagem Solidária em Curitiba/PR

Sempre ouvi falar na faculdade e também nas conversas entre amigos, mas nunca tinha feito uso. O pessoal fala bastante do CouchSurfing, mas eu nunca tinha pesquisado sobre e nem me aprofundado na temática. Mas, há umas três semanas atrás eu vivenciei a hospedagem solidária. Ao participar de um evento em Curitiba/PR eu me propus a experimentar novas vivencias. O evento fazia uma ponte entre as famílias que queriam receber e os participantes que queriam usar uma hospedagem solidária. Basicamente, eu preenchi um questionário online sobre minhas características, como por exemplo: gênero, alergias, tabagismo e outras coisas que permitiram eles cruzarem os dados e sugerir qual seria o melhor local para eu ficar. Assim, eles me mandaram o contato da pessoa que iria me acolher. Eu nunca tinha ido a Curitiba, nem sequer conhecia uma pessoa lá, então estava dando um tiro no escuro. Mas, a pessoa que iria me acolher, bem antes de eu ir, já foi me dando vários toques, o que levar na mala, como esta…