Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

Trabalho de Garçom: Experiencia 2

Já abordei outras vezes o universo enigmático dos garçons. E nestas férias de 2016 trabalhei mais uma vez como garçom e barman no Villa- Bar, Restaurante e Pizzaria da Estância Turística de Joanópolis/SP. Já estou acostumado e treinado para muitas das situações que os garçons vivenciam com os clientes. Mas, algumas ainda me deixam sem jeito e, nestas férias vivenciei duas que realmente eu não esperava passar. A primeira foi que nós estávamos com a casa cheia e um determinada mesa pediu duas pizzas diferentes. Mas, para dinamizar os pedidos o carinha que faz as pizzas vai revezando as mesas, ou seja, se a mesa pediu duas pizzas, uma ira primeiro e, depois de atender outra mesa, a primeira mesa receberá a segunda pizza. Mas, o que aconteceu foi que 2 pessoas da mesa iriam comer uma pizza e as outras 2 a outra pizza. Pois assim foi, as primeiras duas pessoas receberam sua pizza e as outras duas tiveram que esperar. Porém, uma das pessoas que tiveram que esperar era uma senhora idosa. O fato…

O Selfie com o Golfinho

Recentemente as mídias sociais (facebook, pinterest, twitter, instagram e etc), jornais e revistas foram bombardeadas com memes, informações, criticas e comentários sobre o famoso golfinho que foi retirado da água para prestigiar os supostos selfies dos turistas que por ali passavam. O fato que foi noticiado é que no dia dez de fevereiro deste ano um golfinho foi encontrado no litoral argentino, especificamente na praia de Santa Teresita em Buenos Aires. A partir disto, surgiram noticias que mostraram que ao invés de salvar os turistas tiraram fotos e selfies com o mamífero que, por sua vez, veio a óbito. Em contrapartida surgiram outras noticias, vídeos e fotos que alegam que o mamífero já estava morto e, que alguns turistas tentaram reanimar o animal. Morto ou não, a notícia repercutiu na rede e gerou polemicas, sendo que a maioria dos internautas afirmava que os turistas foram intransigentes ao proceder de forma a tirar fotos com o animal. Nas fotos, aparecem pessoas segurando o golf…

A marcha capitalista contra a cultura tradicional

A história sempre foi um suporte rígido para entender o mundo no qual nos situamos atualmente. As manifestações culturais são, ou deveriam ser heranças de nossos antepassados, traços arraigados em nossa cultura e, em especial, ao nosso lugar natal. Entretanto, qual seria o limite para o tradicional de uma região? Com a explosão da internet e a tão famosa Globalização as fronteiras se romperam, o cultural tradicional sofreu interferências, tornou-se universal, passível de ser visto e consumido pelos mais distintos povos de todos os cantos do mundo. E isso influencia diretamente no que encontramos nos destinos. Basicamente, na atualidade é relativamente fácil ir à Bahia e encontrar o mesmo artesanato, com as mesmas características do que é feito no Rio Grande do Sul, isto é quando o mesmo não foi feito em um terceiro estado e incorporado nos demais como se pertencessem aos mesmos. Observamos isso nas cidades litorâneas, pois vemos sempre as mesmas peças feitas de conchas, cola quente, t…

O turismo que sonhei um dia...

Que o turismo é influenciado por inúmeros fatores isso todo mundo já sabe... A razão disso pode ser atribuída ao fato que as pessoas guardam dinheiro para eventualidades, principalmente de saúde, mas mal sabem elas que muitos dos casos de doenças estão relacionadas ao estresse do dia a dia e falta de momentos de descanso (coisas essas que podem ser encontradas quando se viaja, mas enfim...). Contudo, venho observado que o item de maior complicação no turismo não está nas crises financeiras, desastres ambientais, terrorismo, pressão politica, valorização cambial, desvalorização da profissão e outros fatores, mas o principal fator está nas pessoas que estudam e estão formadas no turismo. Todos os problemas elencados acima poderiam facilmente ser driblados com criatividade, invenção e inovação (bem como a teoria da Ordem pelo Caos), porém, não são driblados e, pelo ao contrario, são empurrados com a barriga. Mas tudo isso por qual motivo? Você já deve saber, mencionei há pouco. Os estudant…